Domingo, 17 de Outubro de 2021
14°

Poucas nuvens

Tenente Portela - RS

Geral Setembro/2021

Vendas de veículos caíram 10,2% no mês passado

Dados foram divulgados pela Associação Nacional dos Fabricantes de Autoveículos

11/10/2021 às 16h51 Atualizada em 11/10/2021 às 16h53
Por: Diones Roberto Becker Fonte: Agência Brasil
Compartilhe:
Em setembro, segundo a ANFAVEA, foram comercializadas 155,1 mil unidades (Foto: Diones Roberto Becker)
Em setembro, segundo a ANFAVEA, foram comercializadas 155,1 mil unidades (Foto: Diones Roberto Becker)

As vendas de veículos automotores caíram 10,2% em setembro, alcançando 155,1 mil unidades ante 172,8 mil licenciamentos em agosto. Na comparação com setembro do ano passado, quando os emplacamentos totalizaram 207,7 mil, a queda foi de 25,3%.

Já no acumulado do ano, houve elevação de 14,8%, com o total de 1,57 milhão de unidades contra as 1,37 milhão vendidas no mesmo período de 2020. Os dados foram divulgados pela Associação Nacional dos Fabricantes de Autoveículos (ANFAVEA). 

O balanço mostra, ainda, que a produção apresentou crescimento de 5,6%, ao passar de 164 mil unidades em agosto para 173,3 mil em setembro. Entre janeiro e setembro deste ano, a produção registrou aumento com 1,64 milhão de veículos fabricados, o que representa 24% a mais do que no mesmo período de 2020 (1,33 milhão). Já na comparação com setembro do ano passado, quando foram produzidos 220,2 mil autoveículos, houve queda de 21,3%.

Os dados da ANFAVEA indicam, também, que as exportações aumentaram 33,8% no acumulado do ano com o embarque de 277 mil veículos em 2021 ante 207 mil do ano passado, mas, na comparação entre setembro e agosto deste ano, a comercialização de veículos no mercado externo foi de 23,6 mil, o que representa recuo de 19,7%. Também houve queda com relação a setembro do ano passado (22,5%), quando foram embarcadas 30,5 mil unidades.

Notícias no WhatsApp:

Receba as notícias do Site Clic Portela no seu telefone celular! Clique aqui e faça parte do nosso grupo de WhatsApp.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias