Terça, 19 de Outubro de 2021
14°

Poucas nuvens

Tenente Portela - RS

Polícia l Trânsito Crimes

RS tem alta de 225% no número de feminicídios em agosto

Indicador foi divulgado pela Secretaria Estadual de Segurança Púbica

24/09/2021 às 18h42
Por: Diones Roberto Becker Fonte: Gaúcha ZH
Compartilhe:
Entre as 13 vítimas de feminicídio em agosto, duas tinham registro de ocorrência contra o agressor (Foto: Marcos Santos/USP)
Entre as 13 vítimas de feminicídio em agosto, duas tinham registro de ocorrência contra o agressor (Foto: Marcos Santos/USP)

Os registros de feminicídios no Rio Grande do Sul saltaram 225% na comparação entre agosto de 2020 com o mesmo mês em 2021, segundo os indicadores divulgados pela Secretaria Estadual de Segurança Púbica (SSP).

Em agosto de 2020, foram quatro registros. Já durante o mês neste ano, foram 13 mulheres assassinadas devido ao gênero. O titular da SSP, vice-governador Ranolfo Vieira Júnior, lamentou o aumento de casos, mas destacou o reforço das estruturas da Brigada Militar e da Polícia Civil na proteção das mulheres.

Entre as 13 vítimas de feminicídio em agosto, duas tinham registro de ocorrência contra o agressor, segundo a SSP. Em nove casos, o homem tinha vínculo amoroso ou familiar com a mulher assassinada.

A diretora da Divisão de Proteção à Mulher da Polícia Civil, delegada Jeiselaure de Souza reforça a necessidade de conscientização sobre o tema.

— É preciso que sejam feitas campanhas de encorajamento dessas mulheres, que rompam o silêncio, que busquem ajuda através de todos os canais que são disponibilizados, da Polícia Civil, da própria Secretaria da Segurança Pública, para que, no primeiro estágio de violência doméstica e familiar, denuncie o seu agressor — afirma a delegada.

No acumulado desde janeiro, houve aumento de 26% entre 2020 e 2021. Foram 57 feminicídios nos primeiros oito meses de 2020, contra 72 no mesmo período deste ano. Além disso, foram 20,9 mil ameaças, 11,2 mil casos de lesão corporal e 1,2 mil estupros no ano.

Notícias no WhatsApp:

Receba as notícias do Site Clic Portela no seu telefone celular! Clique aqui e faça parte do nosso grupo de WhatsApp.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias