Sexta, 28 de Janeiro de 2022
18°

Poucas nuvens

Tenente Portela - RS

Cidades Por unanimidade

Legislativo aprova projeto que permite transferência de recursos para o hospital de Coronel Bicaco

Conforme o texto, serão repassados R$ 120.650.00

11/01/2022 às 15h29 Atualizada em 11/01/2022 às 15h36
Por: Diones Roberto Becker Fonte: Redação | Clic Portela
Compartilhe:
Valor garantirá o pagamento dos médicos plantonistas e de despesas diversas do Hospital Santo Antônio de Pádua (Foto: Diones Roberto Becker)
Valor garantirá o pagamento dos médicos plantonistas e de despesas diversas do Hospital Santo Antônio de Pádua (Foto: Diones Roberto Becker)

Na sessão extraordinária ocorrida na tarde da sexta-feira (7/1), os edis aprovaram, de maneira unânime, o Projeto de Lei (PL) nº 01/2022 que autoriza o repasse de recursos financeiros da Prefeitura Municipal de Coronel Bicaco para a Associação Hospitalar Santo Antônio de Pádua (AHSAP).

Conforme o texto, serão transferidos R$ 120.650.00. Deste total, R$ 70.650,00 garantirão o pagamento de 471 horas trabalhadas pelos médicos plantonistas, no período de 26 de dezembro de 2021 a 25 de janeiro deste ano. O restante (R$ 50.000,00) será destinado à cobertura de despesas da AHSAP referentes ao primeiro mês de 2022.

Em dezembro, a Administração Municipal divulgou que o montante repassado ao hospital em 2021 alcançou R$ 1.153.830,00. Foram R$ 419.270,00 na forma de subvenção para despesas diversas e R$ 734.560,00 para o pagamento dos plantões médicos.

O Poder Executivo declarou situação anormal na área de saúde hospitalar em Coronel Bicaco, por isso, o Hospital Santo Antônio de Pádua está sob intervenção administrativa desde março de 2018.

■ Notícias no WhatsApp:

Receba as notícias do Site Clic Portela no seu telefone celular! Clique aqui e faça parte do nosso grupo de WhatsApp.

■ Nos siga no Instagram:

Clique aqui e acompanhe todas as publicações do Sistema Província de Comunicação de Tenente Portela.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias