OUÇA 100,7 AO VIVO
Quarta, 18 de setembro de 2019
55 3551 1200 I Jornal - 55 3551 1121 I CNPJ: 03.043.551/0001-20
Especiais

11/07/2019 ás 09h15 - atualizada em 11/07/2019 ás 09h18

Diones Roberto Becker

Tenente Portela / RS

Portelense Luciano Buligon representa o Brasil em evento mundial na Colômbia
10ª Cúpula Mundial das Cidades prossegue até essa sexta-feira (12)
Portelense Luciano Buligon representa o Brasil em evento mundial na Colômbia
Luciano Buligon falou do desenvolvimento de Chapecó e também do acidente aéreo da Chapecoense (Foto: Divulgação/ASCOM Chapecó)

Até essa sexta-feira (12), ocorre em Medellín na Colômbia, a 10ª Cúpula Mundial das Cidades (10th Word Cities Summit - WCS). Chapecó é o único município do Brasil participante do evento em 2019. O prefeito Luciano Buligon, que é natural de Tenente Portela, chegou nesta quarta-feira (10) ao Centro de Convenções Plaza Mayor, onde acontece a Cities Summit.


Essa é a primeira vez que a América Latina sedia a Cúpula Mundial das Cidades, cujos objetivos são mostrar exemplos e buscar soluções para o crescimento e sustentabilidade no futuro.


Em sua explanação no primeiro dia, Luciano Buligon destacou as iniciativas que Chapecó exporta como o Programa Lixo Zero, a economia competitiva pelo agronegócio e o cooperativismo, e a administração transparente e focada nas pessoas. Em conversas e entrevistas, o prefeito também é indagado sobre o acidente aéreo da Chapecoense, ocorrido em novembro de 2016 e que matou 71 pessoas entre jogadores, comissão técnica, jornalistas e convidados.


Numa entrevista para a revista Time, dos Estados Unidos, Luciano Buligon lançou o desafio mundial de transformar as cidades de médio e pequeno porte em Lixo Zero até 2030, assim como a meta assumida por Chapecó. – Esse evento mundial nos dá a oportunidade de difundir as virtudes das cidades. Trouxemos exemplos e vamos levar soluções para implantar em nossos municípios – frisou o gestor brasileiro.


Concedendo entrevista para o canal Telemedellín, Luciano Buligon reforçou o agradecimento dos chapecoenses por tudo que a cidade colombiana fez no momento mais dolorido da história de Chapecó. – Com muito amor, e em menos de 24 horas, vocês prepararam uma homenagem que impactou o mundo inteiro. Foi o abraço dos colombianos e a solidariedade mundial que nos deu a condição de reconstruir – disse o prefeito.


O gestor brasileiro ainda participará de mesa redonda nesta sexta-feira, que discutirá alternativas de melhorias para a segurança econômica e ambiental, a partir de uma série de diretrizes. Entre elas, que, em longo prazo, as cidades deverão priorizar a sustentabilidade, os cuidados com o clima, o gerenciamento de recursos hídricos, os alimentos e a energia.

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium